ANCR-Associação Nacional do Cavalo de Rédeas
Notícias

Regulamento da ANCR traz novidades visando adequar as condições de competitividade à realidade atual do esporte no mundo

Em reunião de diretoria realizada no final de março, foram definidas duas alterações relevantes no Regulamento. Vale ressaltar que as mudanças seguem a linha do que já é praticado pela NRHA, que é a associação responsável pela modalidade em âmbito mundial, à qual a ANCR é filiada.

Idade dos cavalos de Derby e Super Stakes passa a ser de até 7 anos

A primeira delas prevê o aumento de um ano hípico na idade de participação dos cavalos no Derby e Super Stakes, de modo que agora podem participar então animais de 4, 5, 6 e 7 anos.

Essa mudança já passará a valer a partir do próximo Derby da ANCR, que em breve terá nova data divulgada pela Diretoria.

Inclusão de mais um nível nas categorias oficiais

Atualmente, as categorias oficiais da Aberta e Amador contam com apenas 3 níveis (2, 3 e 4). O Nível 1, que hoje é uma categoria de entrada para novos competidores, tem definição e condições diferentes das categorias oficiais.

A mudança para o próximo ano hípico, que se iniciará após o Potro do Futuro de 2021, é que as categorias oficiais da Aberta e Amador passarão a ter 4 níveis, (1, 2, 3 e 4). Por sua vez, o que hoje chamamos de Nível 1 passará a ser a categoria Principiante, com a mesma definição e condições desta categoria de entrada.

A atualização do ranking será realizada anualmente, e os níveis serão definidos da seguinte forma:

a) CATEGORIA ABERTA

a.1) Nível 4 - O Nível 4 será composto pelos 10 (dez) cavaleiros com a maior somatória de ganhos nos dois últimos anos hípicos.

a.2) Nível 3 - O Nível 3 será composto por todos os cavaleiros com somatória de ganhos abaixo dos 10 (dez) cavaleiros do Nível 4 e que tenham ganhos superiores a R$ 10.000,00 (dez mil reais) no ranking acumulado geral. Em nenhuma hipótese um competidor do Nível 3 retornará ao Nível 2.

a.3) Nível 2 - O Nível 2 será composto por todos os cavaleiros que tenham ganhos inferiores a R$ 10.000,00 (dez mil reais) no ranking acumulado geral. Em nenhuma hipótese um competidor do Nível 2 retornará ao Nível 1.

a.4)  Nível 1 – O Nível 1 será composto por todos os cavaleiros que tenham ganhos inferiores a R$ 5.000,00 (cinco mil reais) no ranking acumulado geral. Em nenhuma hipótese um competidor do Nível 1 retornará à categoria Principiante.

b) CATEGORIA AMADOR

b.1) Nível 4 - O Nível 4 será composto pelos 8 (oito) cavaleiros com a maior somatória de ganhos nos dois últimos anos hípicos.

b.2) Nível 3 - O Nível 3 será composto por todos os cavaleiros com somatória de ganhos abaixo dos 8 (oito) cavaleiros do Nível 4 e que tenham ganhos superiores a R$ 5.000,00 (cinco mil reais) no ranking acumulado geral. Em nenhuma hipótese um competidor do Nível 3 retornará ao Nível 2.

b.3) Nível 2 - O Nível 2 será composto por todos os cavaleiros que tenham ganhos inferiores a R$ 5.000,00 (cinco mil reais) no ranking acumulado geral. Em nenhuma hipótese um competidor do Nível 2 retornará ao Nível 1.

b.4) Nível 1 – O Nível 1 será composto por todos os cavaleiros que tenham ganhos inferiores a R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais) no ranking acumulado geral. Em nenhuma hipótese um competidor do Nível 1 retornará à categoria Principiante.

As definições e condições da categoria Jovem permanecem inalteradas.

Em breve o Regulamento da ANCR consolidado, incluindo todas as alterações mencionadas acima mais as regras de julgamento atualizadas conforme a NRHA estarão disponíveis em nosso site.

Veja o vídeo do informativo, disponível nas mídias sociais da ANCR: Informativo ANCR | Novidades no Regulamento

Campeonato Nacional ANCR 2021 dispensará classificação por Núcleos

Programa Mundo Rédeas já contabiliza mais de 70 mil visualizações

ANCR lança programa inédito no YouTube sobre a Rédeas
A iniciativa tem por objetivo ampliar a visibilidade da modalidade e mostrar ao público geral, porque este é considerado um dos esportes equestres mais apaixonantes do mundo.

IBEqui é o mais novo integrante da Câmara Setorial de Equideocultura do MAPA
A partir de agora, o órgão contará com 17 representantes de entidades representativas de diversos segmentos do setor

Criado há 6 meses, IBEqui elege sua primeira Diretoria
Assembleia virtual reuniu filiados de todo Brasil, nesta segunda-feira (15/02); por unanimidade, Caco Auricchio (ABQM) foi indicado para presidir o Conselho de Administração

IBEqui avança na atualização do ‘Estudo do Complexo do Agronegócio do Cavalo’
A nova revisão é desenvolvida em parceria com a Frente Parlamentar do Agronegócio Paulista e a Esalq/USP

Atenção ao prazo da Anuidade 2021
Os boletos já foram enviados, com vencimento em 10 de fevereiro

Com estreia de novo modelo de transmissão, ANCR comemora resultados do seu Nacional e Potro do Futuro
Evento realizado no último final de semana foi classificado como um dos melhores da modalidade em qualidade técnica, com muita emoção e paixão por parte dos competidores e organização.

Projeto vai transformar Parque de Exposições Granja do Torto em polo da inovação do agronegócio no centro-oeste
Investimento de R$ 150 milhões já está previsto através da instalação de empresas do setor.

IBEqui promove reunião técnica sobre segurança jurídica e bem-estar animal nos esportes equestres
Encontro virtual tratou da legalização e regularização das atividades no país, com foco no bem-estar animal

Mais Notícias Veja o histórico completo de notícias da ANCR